domingo, 11 de agosto de 2013


O Conto da Semana

Autópsia do Bípede (conto)* de Marco Polo Guimarães
  
Img: Reprodução


Na política, mandou e desmandou. Em pelo menos duas de suas usinas mantinha os trabalhadores em regime de semiescravidão. Guardava num pote de vidro a orelha de um desafeto a quem tinha mandado torturar e assassinar. Foi morto a tiros pelo genro, quando se descobriu que abusava da neta de seis anos.
Agora, visto assim, inerte e aberto, até que não parece tão repugnante.


*In Autópsia do Bípede. Confraria do Vento, 2013.



0 comentários:

Postar um comentário

  • a literatura em sua rede

    ano IV


Editores: Frederico Spencer, Natanael Lima Jr e Thiago Lima