domingo, 5 de agosto de 2018


ENTREVISTA COM EDUARDO CÔRTES, CURADOR DA FLIPORTO/2018


5 de agosto de 2018 by Natanael Lima Jr.*


Eduardo Côrtes nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 1949. Formado em Engenharia Civil, especialidade em Transportes Urbanos, trabalhou no Metrô-SP e Metrorec. Foi diretor geral do DER-PE. Aposentado em 2003, passou a fazer produção cultural. Criou a Fliporto em 2005 e o JazzPorto em 2007, além de participar de vários outros eventos de música, literatura, cinema, gastronomia, etc. Recebeu o “Título de Cidadão de Pernambuco” da Assembleia Legislativa PE em 2016.



Eduardo Côrtes, curador da 12ª Fliporto/
Foto: Divulgação



“A temática do contemporâneo é muito relevante e nosso objetivo na programação é dialogar sobre alguns temas do presente. Assim a internet, o empoderamento feminino, a ecologia, o problema das grandes cidades, entre muitos outros”.


O curador da Festa Literária Internacional de Pernambuco – Fliporto, Eduardo Côrtes concede entrevista exclusiva ao editor-fundador do site DCP, Natanael Lima Jr e fala sobre o retorno da Fliporto a Porto de Galinhas, as principais novidades do Congresso Literário, sobre o grande homenageado da Fliporto/2018, entre outros assuntos. Leia na íntegra abaixo a entrevista.


DCP – Depois de seis anos sediada em Olinda (PE), a Fliporto retorna a ser realizada em Porto de Galinhas, Ipojuca (PE). Qual a razão desse retorno?

EC - A Fliporto nasceu em Porto de Galinhas, onde fizemos cinco edições, de 2005 a 2009. Depois migramos para Olinda onde fizemos mais seis edições. Então nada mais natural essa volta ao famoso balneário, que há muito clamava por nosso retorno.

DCP – Quais as principais novidades nesta 12ª edição da festa?

EC - A principal novidade é o retorno festivo da Fliporto para o balneário. Quanto à programação, enxugamos sem perder a qualidade. Uma novidade para os jovens é a Fliporto Geek, muito atual. Outras atrações são a “Chuva de Livros” e o “Arrastão Poético”.

DCP – O poeta Marcus Accioly será o grande homenageado da Fliporto, qual a importância dessa homenagem?

EC - Marcus Accioly foi um dos escritores que mais estiveram presentes na Fliporto. Convidado, sempre aceitava e nos brindava com sua magnífica poesia e com declamações que só ele sabia fazer. A homenagem é justa por isso e por sua bela obra literária como um todo.

DCP – A 12ª edição da Fliporto debaterá o tema “Diálogos Contemporâneos”, qual o objetivo em trazer essa temática?

EC - A temática do contemporâneo é muito relevante e nosso objetivo na programação é dialogar sobre alguns temas do presente. Assim a internet, o empoderamento feminino, a ecologia, o problema das grandes cidades, entre muitos outros. Sempre dialogando com a literatura.

DCP – Quais os nomes já confirmados que participarão da programação literária?

EC – Em breve divulgaremos a programação completa numa coletiva à imprensa. Mas vou adiantar alguns nomes de destaque como o paulista mais carioca que conheço, Nelson Motta, o poeta, cantor e compositor ipojucano Nando Cordel e o mais premiado escritor pernambucano vivo, Raimundo Carrero, comemorando seus 70 anos e autografando sua tetralogia que vem lançando em todo Brasil.



A 12ª edição promete ser histórica, de volta ao berço da festa, Porto de Galinhas, de 10 a 12 de agosto/2018

*Mais informações acesse o site: www.fliporto.com.br














*Natanael Lima Jr é pedagogo, poeta e editor-fundador do site ‘DCP’



Um comentário:

  • a literatura em sua rede

    7 anos

    desde 2011


Editores: Natanael Lima Jr, Frederico Spencer e José Luiz Mélo