domingo, 6 de setembro de 2015


POETA DO DOMINGO

A poesia de Nildo Barbosa*


Nildo Barbosa
Foto: Divulgação




Rima

No vai e vem das palavras
Encontro a rima.
No vai e vem das pessoas
Entro no clima
Na certeza que você
Sempre se previna
De um ontem saudoso
Estou sempre acima
No hoje concreto
O amanhã que declina.


Metalinguagem

Manhã de sol
Brilha no horizonte.
Imenso desejo
Realizar sonhos latentes
Agora é só seguir
No horizonte que desponta.


Mosaico

Busco em cada pedaço
O complemento do todo
Vejo em cada espaço
A possibilidade do ser
Encontro em cada canto
Os fragmentos do eu
Do eu que se espalha
Na conquista do ter.



*Nildo Barbosa é professor universitário, historiador, pesquisador, poeta e membro da Academia de Letras do Jaboatão dos Guararapes. Autor do livro de poesia ‘Mosaico’, Bagaço, 2015.



0 comentários:

Postar um comentário

  • a literatura em sua rede

    ano IV


Editores: Frederico Spencer, Natanael Lima Jr e Thiago Lima